terça-feira, outubro 29

Okay....

Hoje é dia do livro e vou colocar aqui uma citação do meu  livro favorito:

"Que sorte temos quando somos poupados daquilo que achamos que queremos."
Lionel Shriver - Precisamos falar sobre o Kevin.


Tenho andado com o livro A Culpa é das estrelas desde o começo do mês. Enrolando mesmo para ler. Lendo em curtos goles para não me viciar. Falei que o livro não tinha me "pegado de jeito".
Aí que hoje eu parei numa parte fofa. O Gus me ganhou ali.
Ali foi o meu Okay.
 Não é um guia de sobrevivência ao cancêr. A protagonista Hazel tem um prazo de validade e não quer aumentar seu circulo de contatos para que, ao morrer os danos sejam mínimos. Se limita no contato com a família tentando ao máximo ser superficial com as pessoas de fora.

Hazel não suportava o fato de seu livro favorito não ter um final e queria esclarecer todas as dúvidas do que aconteceu com os outros personagens após a última página do livro. E, estou assim no momento. Se tivesse agora o telefone do autor, entraria em contato questionando se isso foi uma curiosa coincidência  ele ter feito isso, ou se ele me daria uma resposta que já se encontra no livro: "Os personagens são fictícios e eles acabam juntamente com a história."?



Sei que muita gente julga o livro comercial. Eu mesma já havia o rotulado assim antes de iniciar a leitura. Mas o Gus me fez mudar de idéia. Um adolescente de 17 anos com uma prótese na perna ganhou meu coração assim como ganhou o coração da protagonista.

Ah, se eu chorei?
Muito. De soluçar....

Um comentário:

Bruna |bruna's journey| disse...

Parece bem interessante, vou procurar para ler, e falando em dia do livro, organizar minha lista de leitura, tem trocentos livros à espera rs